sexta-feira, 19 de agosto de 2016

A Dança dos Dragões


Atenção Spoiller livro e série

Existem dois Games of Thrones. E isto é um fato.

Não apenas pela série ter ultrapassado os livros (Por favor, Martin! Libera o sexto volume. Seus leitores não são eternos), mas pelo fato de em muitos pontos a história ter mudado em completamente.

Como o autor avisa logo nas primeiras páginas muitos dos eventos ocorrem em paralelo. Com isso muitos dos pontos de interrogação do Festim dos Corvos permanecem. 

O quinto livro parece multiplicar os que vão entrar na grande guerra. Stannis continua vivo e com os irmãos das ilhas de ferro como prisioneiros, Sansa continua com Mindinho, e Ramnsay casou com uma falsa Arya. Um Aeagon já chegou a Westeros e já está tomando o que julga seu. Tyrion agora é um escravo, estando do outro lado da muralha quando Meeren é atacada. E claro, os príncipes de Dorne, que ainda não definiram o seu lado, tornando-se onipresentes em vários pontos, embora nem sempre com decisões sábias como mostra o jovem Quentyn. Falando em Dorne, a princesa Arianne deveria estar na série por suas aventuras e desventuras.

Em comum estão o sumiço de Daenarys, a caminhada de Cersei e a morte de John. Mas até elas possuem um tom diferente e mais intenso, o que as torna impactantes mesmo com o conhecimento prévio dos acontecimentos.

Se na série estamos nos encaminhando para o fim, nos livros não é possível garantir nada, as crianças estão crescendo e lutando, máscaras são reconstruídas e os outros (ou caminhantes brancos) ainda parecem estar longe de ser uma preocupação. Mundos novos são apresentados, assim como milhares de personagens parecem entrar e sair das páginas com facilidade.

A Dança dos Dragões parece ser uma espécie de preparação, como se finalmente todas as peças estivessem no tabuleiro. Algumas ainda perdidas pelo caminho, mas todos devidamente apresentados. Fica dúvida se o sexto será um mar de sangue ou o início de uniões, pois o fato é que existem muitos pretendentes ao trono de ferro.

Pelos livros é difícil ter 100% de certeza de qualquer caminho imaginado. As vezes me pego pensando se a série terá um Happy End, e o livro nos dará uma bofetada, exterminado os Starks de vez. 

O grande mérito de Martin é que mesmo com todos os detalhes e muitas páginas ele captura o leitor, que simplesmente não consegue mais abandona-lo. Não é a toa que existe uma legião de fãs e muitas das frases viraram bordões em redes sociais e brincadeiras entre os admiradores.

Se você caiu aqui por acaso, não resista, se tratando de GOT, série e livros valem muito a pena. 

A Dança dos Dragões - As Crônicas de Gelo e Fogo - Livro 5
A Dance with Dragons 
George R.R. Martin
Tradução Márcia Blasques
Editora Leya
2012 - 864 páginas

Nenhum comentário: